quinta-feira, 24 de junho de 2010

Fura olho!

Ohh, my eyes...
                Huum, depois de procurarmos algumas sugestões, o tema que julgamos mais bacana pra este post foi : "fura olho". Esse foi criativo, não? Vou dar os créditos à Lais, que é a dona da sugestão.
                Primeiro, não concordo. Sim, logo de cara minha opinião. Claro, existem casos e casos, circunstâncias e circunstâncias. Mas, vamos supor... O cara tá afim de ficar com a ex-namorada de um brother. No way. Eu não ficaria, mesmo os dois dizendo que já acabaram e tal, e não existe mais nada, porque sempre há alguma coisa... E namoros vão e vem. Mas claro, supondo aqui um namoro "recente" (sem noção de tempo determinada). Se eu quero ficar com uma mina que namorou há 5 anos com um brother meu, provavelmente não haverá problema, mas ainda assim eu perguntarei à ele se há algum porém. Acho que esta é a chave da coisa: Consideração. Se você parar pra pensar, vai ver que nos momentos da sua vida em que você mais precisou poucas pessoas estiveram ao seu lado, e poucos são aqueles que você sabe que poderá contar um dia. Tirando pais e irmãos, há os amigos. Mas digo, amigos de verdade. Como diz Pedro Bial: "amigos vem e vão, mas não abra mão dos poucos e bons."
                Penso eu, que o valor de uma amizade ultrapassa demais um "rolé". Sem comparações, porque no final das contas seus amigos vão sempre te apoiar, e segurar a barra quando ela cair. E, a não ser que um desses rolés seja o amor da sua vida(Se for, desconsidere o que foi dito acima), acho que não vale a pena. Não que a mina ou o cara não valham a pena, mas o preço à se pagar não vale. Bom, mas isso é só a minha opinião.
                Acho que havendo diálogo, e colocando-se na mesa todos os pontos, e abrindo o jogo com seu amigo(a), as coisas podem se resolver de forma tranquila. Sem ninguém se magoar, e acabar mudando a relação. É só uma questão de saber falar, de conversar. E espero que assim ninguém tenha que perder um amigo ou um amor. Pense em duas coisas difíceis de se achar.

Marcos Coppa


                Certas coisas não se divide com ninguém: calcinha, escova de dentes e namorado.
Não sei porque as pessoas insistem em flexibilizar isso. NÃO DÁ CERTO!
É uma regra básica que pode e deve ser explanada.
Quando eu digo “NAMORADO” estou dizendo também: ex namorado, peguete, ex peguete, grande amor da vida, ex grande amor da vida, amor platônico e ex amor platônico.
Entenderam? Se você pegar algum desses, você TRAIU O MOVIMENTO.
Não é um acordo formal. Ao menos com minhas amigas, eu nunca verbalizei isso. Mas nós sabemos que essa regra existe e a respeitamos desde sempre. E para sempre (assim espero).
E também, não é um padrão bem definido. Você pode não se importar se sua amiga vai pegar aquele ex ficante que hoje em dia é até seu amigo, maaaaas, pra evitar transtornos, eu prefiro generalizar. Prevenção nunca é demais.
E vejam bem, é uma questão muito mais de amizade, do que de traição. Digo, se seu namorado fica com sua amiga, querida, você está mal de AMIGA e não de namorado. Claro que ele não vale bosta, mas todos nós sabemos que em um relacionamento amoroso, existe esse risco: o de alguém se apaixonar por um terceiro e fazer merda, foi desleal? Foi. Mas algo me diz que sua amiga agiu pior com você.
Isto posto, pergunto: VOCÊ JÁ PEGOU O NAMORADO(a) DE ALGUM AMIGO (a)?
Se a resposta foi “SIM” me diga, SOBROU AMIZADE DEPOIS DISSO?
A única resposta possível aqui é “NÃO” ou “EM TERMOS”.
Fim de papo. Existe MUITA GENTE solteira e desimpedida por aí. Não faz sentido  magoar um amigo por causa disso.
Se vocês estão apaixonados, ainda assim, acho que vale uma conversa com o amigo em questão, pra assegurar que ninguém está sendo traído, nem sacaneado.
Enfim, concordam comigo?

Bianca Andrade

7 comentários:

Maria disse...

Então...esse é um assunto que me ronda desde o carnaval. O que dizer quando vc se interessa pelo ex há dois anos da sua amiga de 2 dias? Por mais que fossem só dois dias, era uma amizade...mas ela não se extinguiu, nem ficou na mesma. Na verdade, até cresceu de lá pra cá...

Botica de Olho disse...

Totalmente! Conheço pessoas com problemas cerebrais até hoje por causa de uma atitude dessas... :*

CáAmaral;* disse...

Marcos que me desculpe, mas eu concordo com todas as vírgulas e pontos com você, amiga. Horrivel, traição e tudo de ruim que se pode imaginar. Continuaremos com o mesmo acordo, mesmo que não verbalizado, ok? kkkkkkk beijo!

Larissa Cavalcante disse...

Hahahaaaa
Adorei o cometário de Júlia! Isso não é uma furada de olhoo, gata.

Meu atual já ficou com a minha melhor amiga há anos atrás, mas é mesmo que nada. A ex-namorada dele namora com um dos melhores amigos. E assim a vida segue...

Eu não tenho ciumes de rolezinhos nem de ex-namorados. Até repasso os roles e faço migué pras coleguinhas.
Agora assim...Se eu tô FICANDO com um cara não vou querer que uma amiga minha fique. Se ela ficar e ele não for importante pra mim vai rolar um estranhamentozinho e tal, mas passa. Agora, se ela ficar sabendo que eu gosto dele...é! Puta sacanagem.

Mas assim, não acho inadmissível. Acho que uma amizade é muito mais importante que uma ficada. Se eu já fiquei com o menino e não quero mais qual o problema de uma amiga que quer ficar com ele?

Bianca Andrade disse...

Lari, tu é mt desapegada...
hahahahahaha
eu num sou assim não.
mas né?
vc e Julia, é um caso diferente.
até pq, nem sou tão radical assim, uma boa conversa ajuda.
problema é quando nego num tem nem essa consideração.
:*

@dentrodamenina disse...

O melhor é perguntar! (se for ex) Se for Atual, MORRA COM SEU AMOR PLATÔNICO, pq amizade é amizade. Ser decente e esperar acabar é o mínimo. (Esperar, não torcer ou ajudar a acontecer. Depois que acabar, SE ACABAR, dar um tempo pra ter certeza que acabou tb é indicado, DEPOIS AINDA VALE A DICA DE PERGUNTAR...

Karol disse...

aah eu também nao consigo nem olhar pra uma barriga de fora, nao gosto nem para grávidas e nem para nao grávidas!

bjos
www.karollourenco.com.br

Postar um comentário