segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Pré Carnaval


Aah, o carnaval! 
É aquela data que marca o início do ano no Brasil. Antes disso tudo é férias, praia, cerveja, churrasco, futebol e uns quilos à mais. Alguns já voltaram a trabalhar, mas acho que no fundo os brasileiros só iniciam o ano, pelo menos psicologicamente, depois dessa festa. 
Mas, carnaval... O que fazer? Muita gente vai pros interiores da vida curtir festas boas (eu particularmente recomendo o de Caicó), ou fica mais no litoral curtindo uma praia e tal. Claro, olhando pro resto do país tem o carnaval do Rio que é outraaaa coisa, samba e tal. Tem o de Salvadorque já é tipo o Carnatal. Enfim, são diversas as formas de curtir.
No final das contas, quem está namorando ou é casado nem sempre aproveita muito. Se for homem então, pode ver uma porrada de mulher gata aglomerada e pensar: “MAS QUE PORRA EU TO FAZENDO CASADO?” . Essa é a hora de se acalmar, parar, pensar, analisar, refletir. Sim, você pode estar na merda, filhão. Mas é mais provável que esteja apenas tendo uma crise devido ao grande número de gatinhas perto de você. Algo que vai passar[ou não], basta o carnaval acabar. Lembre-se da sua mulher, que você também acha gata (lembra quando se conheceram?), e que apenas está sendo ofuscada por toda essa beleza e alegria nova das ‘chicas’. Mas, por outro lado, quem tá solteiro e sem nenhum comprometimento vai pra procurar a mulherada, sair por aí jogando granada pro alto esperando explodir alguma coisa (vide metáfora). 
Carnaval massa é aquele que se passa com os amigos, nem precisam ser todos, mas alguns poucos e bons, aí sim é bacana. Tomar um porre, fazer uns brindes, zoar aquele seu amigo que vomitou ou na pior das hipóteses ser você mesmo o “lixo” da vez, e aí vão tirar fotos, comentar, vão dizer que você ligou pra sua ex, que sua mãe ligou e você SEM QUERER a mandou tomar no... enfim, CARNAVAL!
Eu acho que é uma data que transmite alegria, além de sexo, cerveja e resenhas sem fim. Vem tudo no pacote da alegria, meu caro. Mas, eu não trocaria o Brasil, nem as morenas daqui, nem as loiras, nem a alegria do meu povo. 
Esse texto hoje foi meio livre, apenas carnaval
Na volta do mesmo, contaremos mais. Estou indo pra Caicó e Bia pra Olinda, então teremos RESENHAS!
Pra todos um bom carnaval. Calma, esse não será o ultimo texto antes de viajarmos, mas melhor desejar agora que ainda fica uma tentativa de algo coerente. Cuidado nas bebidas, sem ficar lixo(glicose sux!). 
E cuidado na hora de....=X Lembrando que criança boa é criança dos outros certo? De resto, vamos curtir essa paraaadaa que depois a porra toda volta. É faculdade, trampo, rotina... e aí depois só na Páscoa, que por sinal é um feriado muito café com leite.
Aposto que ela vai falar sobre roupas, fantasias pra Olinda, mala e coisinhas rosas do gênero. Ah, cabelo também. Mas, that’s life. Se as opiniões fossem iguais o blog seria só meu, ou só dela. Espero que gostem. E lembrando que o próximo texto, atendendo a pedidos, deve ser “sexo no primeiro encontro”. Já puxando a idéia do carnaval, pederastia e tal .. sacou?  Vamo nessa! 

Marcos Coppa 


Não sei vocês, mas eu estou ON FIRAH com os preparativos pro carnaval.
É a primeira vez que eu vou curtir a festa propriamente dita, acreditam? Sempre passo o feriado numa praia ou viajando com a família. Esse ano é minha estréia, em grande estilo: vou pra OLINDA com as amigas!!!!!
E meu... como dá trabalho esse negócio de viajar.
Não é como o mané aí de cima faz: AVISA pra mãe que vai, se junta com os amigos pra alugar um cafofo, um dia antes de ir compra o básico (bebidas e alguma comida) e vai.
NÃÃÃÃÃO.
Eu primeiro tive que convencer meu pai a me deixar ir, levá-lo a agência pra mostrar que é tudo “seguro” e depois que recebi a permissão, começou toda uma maratona chamada: COM QUE ROUPA EU VOU.
Não é simples. Antes fosse. É preciso criatividade (quem me ouviu pedindo dicas de fantasias levanta a mão), disposição, paciência, dinheiro e planejamento.
São cinco dias, cinco noites, o que pelas minhas contas dá aproximadamente... 30 peças de roupa.
Ok, brinquei. Mas ainda assim, não é pouca coisa. Tem que levar uma fantasia diferente por dia e uma roupa diferente por noite. Fora as reservas. TODA MULHER LEVA RESERVA. Não sou só eu. Porque se tem uma coisa que abala com o emocional é não ter roupa. E vai que uma delas estraga por algum motivo, ou pior... vai que alguém vai com uma igual (opa... pera, as fantasias são exceção: elas PODEM E DEVEM ser iguais, pelo menos entre as amigas, pra ficar bonitinho). Por isso é sempre bom levar um vestidinho extra. Fora as maquiagens, chapinha, remédios básicos, produtos de higiene pessoal, bijouterias... Uma mala enorme.
Você até pensa: "mas que merda, são só 5 dias, e eu com essa mala gigante" , mas tenta tirar alguma coisa dali de dentro, TENTA. Não dá. Tudo é essencial.
Daí eu fico pensando como seria se eu fosse no mesmo esquema do coleguinha de azul: tendo que levar bebida e comida. O tamanho da bagagem. Enfim, no final das contas a gente até que faz as escolhas certas.
Não vou dizer que está tudo pronto porque não está. Eu SINTO que falta alguma coisa... mas só vou saber quando chegar lá.
No post de volta eu conto como foi.
Diferente de Marcos, não corro o risco de trazer filho pra Natal, no máximo retornarei reiterando o quanto os recifenses são mais gatos que os potiguares e como o sotaque deles é lindo... Poder ser que tenha alguma história de cunho alcoólico pra contar, mas aí se acontecer, como eu vou lembrar?
É isso: juízo crianças! Nada de trair a namoradinha, nada de sair beijando e pegando todo mundo como se não houvesse amanhã, nada de beber gasolina, nada de envergonhar a família, nada de ligar pra ex... enfim, nada que eu não faria, tá?

Bianca Andrade

7 comentários:

Patxyoliveira disse...

Adorei x)

Ctz vc vai vir cheia de coisas pra falar de la (;
e Sim, o nosso sutaque é lindo =p
kkkkkkkkkkkkkkkkk

adorando os posts! (:

Bom carnaval galera!

Gabrielle ;) disse...

Bibia, tira o "nada que eu não faria" :x AUSHASHAUHSAUSHASUAHSUH BRIIIIIIINQS.

Adorei que vocês atenderam ao meu pedido, êêêê :D Olha que esse tema é meio que polêmico, to muito a fim de ler o que voces vão escrever.

Anônimo disse...

cuidado q olinda é pesaaaaaaaaaaaado =x

Juliana disse...

Gostei mto do texto q li, acho q eh bem egal vê os dois lados. E pretendo voltar mais vezes ^^.

Anônimo disse...

"nada de envergonhar a família, nada de ligar pra ex... enfim, nada que eu não faria, tá?"
KKKKKKKKKKKKKKKKKK
Juizo jovens :*

to amando o blog *-*
Priscilla Karla

Mariana disse...

A opinião masculina e a feminina...

E nem preciso comentar que eu penso IGUAL a Bia, né?
Esse dilema das roupas, malas, etc...nossa!
A galera fica chocada quando vê a quantidade de coisas que levamos pras viagens, mas tudo é necessário! E sempre falta algo, SEMPRE!

Adorei o blog e agora vou ficar acompanhando!
Beijos, Mari Dourado:*

Hannah disse...

aiaia, eu que vou ficar na laranjada nesse carna fiquei ainda mais animada pra ficar em casa depois de ter lido sobre isso ¬¬'
hauiehiauehiuaheuiah
mas muito bom!

e lembrem-se, criança boa é criança dos outros, glicose é sux e não façam nada que bibia nao faria (ui!) =x

Postar um comentário